Receita mira em compra de ações por funcionários e na ‘pejotização’

15/06/2020 em Imprensa

Nosso sócio Leandro Cabral falou ao Valor Econômico sobre o Plano Anual de Fiscalização da Receita Federal. O órgão irá aperfeiçoar o cruzamento de dados de pessoas físicas para identificar omissão de rendimentos tributáveis recebidos de empresas, por meio de planos de venda de ações a funcionários (stock options) e a contratação de empregado como pessoa jurídica.
Cabral explica que, no caso de stock options, as empresas são autuadas por causa da contribuição previdenciária e agora as pessoas são autuadas pelo Imposto de Renda.

Confira a matéria:  https://lnkd.in/dD_2U54

Velloza Advogados |

VER TAMBÉM

Velloza é destaque em Private Wealth Law

O Velloza Advogados foi ranqueado como Band 2 pelo guia High Net Worth 2020 do Chambers and Partners. A publicação…

10 de julho de 2020 em Imprensa

Leia mais >

Ministério da Economia limita lei que acaba com voto de desempate no Carf

O Valor Econômico entrevistou nosso sócio Leandro Cabral e Silva sobre a portaria do Ministério da Economia que regulamenta a…

3 de julho de 2020 em Imprensa

Leia mais >