Conheça os advogados mais admirados do País

18/11/2011 em Imprensa

Fonte: Portal IG


Vinte e seis advogados tiveram seus nomes na lista dos profissionais mais admirados por diretores jurídicos das maiores empresas por receita liquida do Brasil. A pesquisa da revista “Análise Advocacia 500
de 2011 indicou os advogados admirados em duas ou mais áreas do Direito, entre as 12 analisadas pela publicação.

O advogado Paulo Cezar Aragão, do Barbosa, Müssnich & Aragão Advogados foi o líder do ranking. Especialista em contratos comerciais, exportação e importação, operações financeiras e societário, o advogado teve citações nas quatro áreas.

O segundo colocado foi o advogado Arnoldo Wald, do Wald e Associados que, assim como o advogado Fabio Ulhoa Coelho, do Fabio Ulhoa Coelho Advogados Associados, foram citados em três áreas.

Na terceira colocação, com duas citações, apareceram os demais 23 advogados citados na lista da publicação jurídica. São eles (por ordem alfabética):

Adriano Chaves, do Campos Mello Advogados; Alberto Xavier, do Xavier, Bernardes, Bragança Sociedade de Advogados; Bruno Balduccini, do Pinheiro Neto Advogados; Carlos José Rolim de Mello, do Machado, Meyer, Sendacz e Opice Advogados; Carlos Roberto Siqueira Castro, do Siqueira Castro dvogados; Fernando Botelho Penteado de Castro, do Pinheiro Neto Advogados; Flavio de Queiroz Bezerra Cavalcanti, do Queiroz Cavalcanti Advogados; Francisco Antunes Müssnich, do Barbosa, Müssnich & Aragão Advogados; Gilberto Ayres Moreira, do Rolim, Viotti & Leite Campos Advogados; Gustavo Lorenzi de Castro, do De Vivo, Whitaker, Castro e Gonalves Advogados; Marcelo terra, do Duarte, Garcia, Caselli Guimarães e Terra Advogados; Maria Cristina Cescon, do Souza, Cescon, Barrieu & Flesch Advogados; Maximilian Fierro Paschoal, do Pinheiro Neto Advogados; Mosche Sendacz e Nei Schiling Zelmanovits, ambos do Machado Meyer, Sendacz e Opice Advogados; Nelson Ney Junior, do Magalhães, Nery e Dias Advogados; Oswaldo Leite de Moraes Filho e Paulo Frank Coelho da Rocha, ambos do Demarest e Almeida Advogados; Rafael de Carvalho Pássaro, do Machado, Meyer, Sendacz e Opice Advogados; Roberto Quiroga Mosquera, do Mattos Filho, Veiga Filho, Marrey Jr e Quiroga; Rubens José Velloza, do Velloza & Girotto Advogados Associados; Sergio Bermudes, do Escritório de Advocacia Sergio Bermudes; e Silvia Zeigler, do Zeigler e Mendonça de Barros Sociedade de Advogados.

Em 2011, a coleta de dados ocorreu entre 29 de julho a 9 de setembro com os empresários no Brasil.

Velloza Advogados |

VER TAMBÉM

News Tributário Nº 497

STJ – Aplicações Financeiras – Parcela Relativa à Inflação – Não Incidência de IRPJ/CSLL Em recente julgamento – Recurso Especial…

17 de janeiro de 2019 em News Tributário

Leia mais >

News Trabalhista e Previdenciário N° 496

Gerentes de negócios de banco não receberão a 7ª e a 8ª horas como extras A Oitava Turma do Tribunal…